assinar: Posts | Comentários

Definidos acordo contra escassez e próximos passos para o Plano de Bacia...

A plenária do Comitê de Gerenciamento da Bacia Hidrográfica do Rio dos Sinos (Comitesinos) aprovou, nesta quinta-feira, o acordo operacional entre arrozeiros e companhias de abastecimento para uma eventual estiagem durante o verão. A reunião durou das 14 às 16h30, na Sala 4A300, do Centro de Ciências Jurídicas da Unisinos (Av. Unisinos, 950), em São Leopoldo. A pauta teve ainda algumas definições técnicas para a continuidade do processo de elaboração do Plano de bacia do Rio dos Sinos (que deve ser concluído em 2014) e o anúncio da renovação do patrocínio da Petrobras, através do Programa Petrobras Ambiental, para o Projeto VerdeSinos de Recomposição de Mata Ciliar da Bacia do Sinos. ACORDO CONTRA ESCASSEZ Sobre o acordo para...

Definidos acordo contra escassez e próximos passos para o Plano de Bacia
postado em: 18/11/2013 | autor: comitesinos

Oficina de projeto segue a mil

A turma do Projeto Dourado teve na última semana mais um encontro de sua oficina de elaboração e execução de projetos, que ocorre dentro do Programa Permanente de Educação Ambiental da Bacia Hidrográfica do Rio dos Sinos (PPEA). O grupo de professores teve pela manhã um bate-papo sobre o balanço do evento de culminância da Romaria das águas, ocorrido em outubro, em Porto Alegre, além de avisos gerais sobre projetos e ações do Comitesinos para 2014 – e que deverão envolver o grupo e outros assuntos. A tarde foi de arremates nos projetos dos professores, preparando a etapa prática da oficina. Segundo o cronograma do aprendizado, que iniciou lá em março, cada professor terá ainda executar suas ações...

Oficina de projeto segue a mil
postado em: 12/11/2013 | autor: comitesinos

Mapeando o comportamento do Rio dos Sinos...

Técnicos da empresa Profill Engenharia e Meio Ambiente Ltda devem iniciar nos próximos dias o mapeamento da calha do Rio dos Sinos em 23 pontos, com levantamentos topográficos (terrenos junto às margens) e batimetria (avaliação do perfil do fundo do rio). O trabalho faz parte do processo de elaboração do Plano de Bacia da região e vai abranger um trecho de cerca de 120 quilômetros, entre Taquara e Canoas – da foz do Rio Paranhana até a chegada do Sinos ao Rio Jacuí. O objetivo é chegar a um modelo hidrodinâmico. O que deve responder, por exemplo, como ocorre o escoamento de água pela calha do rio e quanto tempo leva para o nível se normalizar após a suspensão dos bombeamentos nas...

Mapeando o comportamento do Rio dos Sinos
postado em: 12/11/2013 | autor: comitesinos