assinar: Posts | Comentários

Planície de inundação do Rio dos Sinos e formadores – Orientações...

Acordo entre Comitê de Gerenciamento da Bacia Hidrográfica do Rio dos Sinos – COMITESINOS e Promotoria Regional Ambiental da Bacia Hidrográfica do Rio dos Sinos – MP/RS   PLANÍCIE DE INUNDAÇÃO Aos 07 dias do mês de dezembro de 2016, reuniram-se representantes da Rede Regional do Rio dos Sinos coordenada pelo Promotor de Justiça designado Dr. Ricardo Schinestsck Rodrigues, o responsável técnico pela elaboração do mapeamento da planície de inundação do Rio dos Sinos e formadores Prof. Dr. Carlos André Bulhões Mendes e a Secretária Executiva do Comitesinos Viviane Nabinger com o objetivo de:  estabelecer critérios e orientação aos processos em curso de situações pontuais e específicas que envolvem a ocupação da planície de inundação que, supostamente, não...

Planície de inundação do Rio dos Sinos e formadores – Orientações
postado em: 19/12/2016 | autor: comitesinos

Áreas úmidas e saneamento em pauta da plenária de setembro...

Os desafios técnicos e a legislação sobre a conservação de áreas úmidas, as várias terminologias que designam tais espaços (banhados, planície de inundação, etc) e os benefícios deles para o meio ambiente e as pessoas. Esses foram os temas da palestra do professor e pesquisador Leonardo Maltchik, na plenária de setembro do Comitesinos, ocorrida na última semana. O encontro ocorreu na Unisinos e Maltchik apresentou dados dos estudos realizados pelo projeto VerdeSinos e reforçou a importância das ações de preservação propostas pelo Comitê e de outras iniciativas com o engajamento de prefeituras, entidades e sociedade em geral, para conservação das águas da região. A plenária também debateu a proposta de deliberação sobre procedimentos para aperfeiçoar a delimitação (com...

Áreas úmidas e saneamento em pauta da plenária de setembro
postado em: 14/09/2016 | autor: castor

Conservação dos banhados remanecentes e segurança nas áreas alagáveis debatidas e plenária...

  A perda dos banhados nos últimos 30 anos na Bacia do Sinos, sua influência na vida das pessoas e as discussões em torno do Zoneamento das Áreas de Inundação da região estiveram na pauta da última Plenária do Comitesinos, ocorrida no dia 11 de agosto, na Unisinos, em São Leopoldo. Os destaques foram as apresentações do mapa virtual mostrando a perda progressiva de áreas de banhado, elaborado a partir do trabalho do pesquisador Rafael Gomes de Moura, e do livro Os Banhados em Nós e Nós nos Banhados: Patrimônio material, cultural e natural da Bacia do Sinos, de Débora Cristina da Silva. O mapa é mais um resultado das pesquisas do Projeto VerdeSinos incluído nas ações do...

Conservação dos banhados remanecentes e segurança nas áreas alagáveis debatidas e plenária
postado em: 15/08/2016 | autor: castor

Plenária aprova restante do mapeamento de áreas úmidas...

A plenária do Comitesinos aprovou nesta quinta-feira o mapeamento da planície de inundação do Rio dos Sinos e seus formadores nas partes Média e Alta da Bacia Hidrográfica (de Sapiranga até Caraá). O colegiado também aprovou o apoio ao trabalho de enquadramento das águas do Arroio Moleque, em Gramado, e o Comitesinos ainda firmou convênio para ações de preservação ambiental e mitigação de riscos com as Defesas Civis de São Leopoldo e Portão. A movimentação foi durante a reunião que ocorreu à tarde, na Unisinos e contou também com o coordenador da Rede Ambiental Sinos do Ministério Público Estadual, Ricardo Schinestsck Rodrigues, e o diretor do Departamento Estadual de Recursos Hídricos, Fernando Meirelles. Com a aprovação do restante...

Plenária aprova restante do mapeamento de áreas úmidas
postado em: 13/05/2016 | autor: castor

Mapa das áreas inundáveis aprovado: ratifique-se, publique-se e cumpra-se...

Com 26 votos a favor e apenas quatro contra, a plenária do Comitesinos aprovou na última quinta-feira (dia 12) o mapeamento das áreas inundáveis na Bacia do Sio dos Sinos. A deliberação agora será enviada ao Conselho Estadual de Recursos Hídricos (CRH), para que seja ratificada e ganhe força de lei. Isso significa que, a partir de então, todas as legislações municipais (principalmente os Planos Diretores), os licenciamentos das prefeituras e do Estado terão que se adequar ao mapeamento. Na plenária a medida teve o voto de representantes de setores como agricultura, indústria, entidades comunitárias, companhias de abastecimento, instituições de ensino e pesquisa, entidades de engenharia, ONGs ambientais e outras. Veja as fotos no final do texto Na prática, o...

Mapa das áreas inundáveis aprovado: ratifique-se, publique-se e cumpra-se
postado em: 14/11/2015 | autor: castor