assinar: Posts | Comentários

Mais uma fase no planejamento do VerdeSinos para execução do Plano de Bacia...

O projeto VerdeSinos teve na última semana o segundo de três encontros para mantar o seu Planejamento Estratégico dentro dos esforços para efetivação do Plano de Bacia da região. A movimentação ocorreu novamente na Tunisinos, com representantes de movimentos sociais, técnicos da EMATER, sindicatos rurais e da Defesa Civil, representantes dos Centros Ambientais de Educação Ambiental, das escolas-polo do Projeto Dourado e do Ministério Público Estadual. Enquanto no primeiro encontro, no dia 9 de novembro, o exercício foi para avaliar o trabalho feito até aqui por cada grupo parceiro dentro do VerdeSinos e em qual dos mais de 20 programas de ações do Plano de Bacia cada um se encaixa, na última quarta-feira (dia 30) os parceiros apresentaram suas...

Mais uma fase no planejamento do VerdeSinos para execução do Plano de Bacia
postado em: 05/12/2016 | autor: castor

Plenária renova acordo entre arrozeiros e abastecedoras...

O Comitesinos aprovou nesta quinta-feira (dia 13) a renovação do acordo entre arrozeiros e companhias de abastecimento para o caso de estiagem na Bacia do Rio dos Sinos nos próximos meses. O fato ocorreu durante a plenária da entidade, realizada na Unisinos (São Leopoldo) e teve unanimidade do colegiado da entidade (composto por representantes do setor produtivo, empresas de saneamento, entidades de moradores, órgãos de governo, ONGs ambientais e vozes de praticamente toda a sociedade da Bacia). A plenária teve ainda apresentações sobre gestão de risco com foco na prevenção de danos de cheias e conservação das águas, além de resultados do trabalho realizado no âmbito do Projeto VerdeSinos junto às Unidades de Referência de agroecologia na região...

Plenária renova acordo entre arrozeiros e abastecedoras
postado em: 14/10/2016 | autor: castor

Plenária aprova restante do mapeamento de áreas úmidas...

A plenária do Comitesinos aprovou nesta quinta-feira o mapeamento da planície de inundação do Rio dos Sinos e seus formadores nas partes Média e Alta da Bacia Hidrográfica (de Sapiranga até Caraá). O colegiado também aprovou o apoio ao trabalho de enquadramento das águas do Arroio Moleque, em Gramado, e o Comitesinos ainda firmou convênio para ações de preservação ambiental e mitigação de riscos com as Defesas Civis de São Leopoldo e Portão. A movimentação foi durante a reunião que ocorreu à tarde, na Unisinos e contou também com o coordenador da Rede Ambiental Sinos do Ministério Público Estadual, Ricardo Schinestsck Rodrigues, e o diretor do Departamento Estadual de Recursos Hídricos, Fernando Meirelles. Com a aprovação do restante...

Plenária aprova restante do mapeamento de áreas úmidas
postado em: 13/05/2016 | autor: castor

VerdeSinos em fase de costura do conhecimento adquirido...

Pesquisadores de várias linhas de frente da etapa atual do projeto tentam agora estabelecer conexões entre seus resultados Como fazer as várias pesquisas do projeto VerdeSinos conversarem entre si. E ainda traduzir tudo em uma linguagem acessível para o público em geral, para que o conhecimento possa imediatamente ser aplicado ações desde a Educação Ambiental até políticas públicas. Esse é o exercício que está sendo feito pelos pesquisadores das 13 linhas de estudos que integram o projeto, que tem patrocínio da #Petrobras, através do Programa Petrobras Socioambiental. O georreferenciamento dos cursos d´água da Bacia do Sinos, o mapa da planície de inundação, o levantamento das áreas de conservação e o panorama da vida aquática e terrestre estiveram na...

VerdeSinos em fase de costura do conhecimento adquirido
postado em: 25/03/2016 | autor: castor

Mapa das áreas inundáveis aprovado: ratifique-se, publique-se e cumpra-se...

Com 26 votos a favor e apenas quatro contra, a plenária do Comitesinos aprovou na última quinta-feira (dia 12) o mapeamento das áreas inundáveis na Bacia do Sio dos Sinos. A deliberação agora será enviada ao Conselho Estadual de Recursos Hídricos (CRH), para que seja ratificada e ganhe força de lei. Isso significa que, a partir de então, todas as legislações municipais (principalmente os Planos Diretores), os licenciamentos das prefeituras e do Estado terão que se adequar ao mapeamento. Na plenária a medida teve o voto de representantes de setores como agricultura, indústria, entidades comunitárias, companhias de abastecimento, instituições de ensino e pesquisa, entidades de engenharia, ONGs ambientais e outras. Veja as fotos no final do texto Na prática, o...

Mapa das áreas inundáveis aprovado: ratifique-se, publique-se e cumpra-se
postado em: 14/11/2015 | autor: castor

« Previous Entries